quarta-feira, 26 de outubro de 2016

AS PALAVRAS PERTENCEM AO MUNDO

Onde vistes em mim censura em qualquer momento? O que publico não pertence mais a mim! (Émerson Ghislandi)



quinta-feira, 20 de outubro de 2016

segunda-feira, 26 de setembro de 2016

A MIM ATRAI A VERTIGEM


Só as exceções, o que é extraordinário, o que parece absurdo aos olhos dos bem-pensantes, o que se apresenta como excessivo e visionário, merecem que alguém se detenha a considerá-lo. Somente os extremos! Os loucos, os insensatos, os filósofos e os poetas. Todo o resto é desprezível. Só me atraem as criaturas que tendem para o alto, ou as que sondam os abismos impenetráveis, os insatisfeitos, aqueles cuja vida é um incêndio a consumir a alma. Tudo que é morno, fácil e medíocre, é execrável. Desculpem a franqueza, mas conheço de perto esse desejo violento das alturas. Não consigo satisfazer-me com a existência cotidiana e vulgar. Quero encontrar o divino!

quarta-feira, 21 de setembro de 2016

A MESMICE SÓ FAZ ANIQUILAR

UM GRITO NA ESCURIDÃO


Temos alguns amigos que nos são caros e que, por sua vez, nos querem bem. Há um único, porém, dois no máximo, com cuja alma sinto-me vibrar em uníssono. Descubro em suas palavras idêntico propósito de buscar o que é profundo e estremecem diante do mistério. Os demais, à semelhança da grande massa, contentam-se com uma existência calma e superficial.


Minha estupefação só faz crescer ao espetáculo da vida tranquila e despida de inquietação que leva a maioria das pessoas, sem desassossegar-se de nada, um sorriso satisfeito nos rostos bem nutridos, sem um pensamento para os abismos que os cercam.


Quando em presença de um indivíduo dessa espécie, sinto-me, ora inteiramente estúpido, ora profundamente infeliz; não consigo compreendê-lo (se é que há o que compreender em semelhante ser), e ele, por seu lado, está longe de me compreender.


Os termos que usamos não têm o mesmo significado para um e outro; ele enxerga tudo de maneira comum, as coisas se lhe afiguram simples e despidas de mistério. Eu, pelo contrário, coloco-me frente à existência em posição de constante surpresa, questiono as profundezas, procuro alçar o espírito para os mais altos cumes.


O pensamento de um indivíduo dessa categoria espoja-se na lama, e quem quer que não o acompanhe surge a seus olhos como um exaltado, um louco, e é por ele desprezado e odiado. Quanto a mim, amo precisamente tudo que esse açougueiro teima em achar exagerado ou fora da ordem! (O político, o artista, o militar, o padre, o chofer, o ator, o poeta podem ser açougueiros pelo espírito, e o são, desgraçadamente, quase todos!)


Tudo o que não se ordena materialmente, e não entra pelas bem guardadas gavetas de suas lojas, é considerado inadmissível e desperta neles a zombaria. Quantas vezes tenho ouvido comentar, inclusive por supostos intelectuais, que aqueles que não souberam se dar bem na vida, são uns fracassados, independente da genialidade e da grandiosa alma que possuam. Exclamam, despeitados: por que se mostraram tão originais? Por que não pensar e agir como nós e todo mundo?


Viver é uma ocupação das mais ordinárias. Meu Deus, como odeio a mentalidade dessas criaturas! O amor, a beleza, tudo que a humanidade possui de superior, de sublime, é desprezado por eles e tachado de exagero.


Que animalesco! Como posso avaliar o que sofrem todos os que possuem a sensibilidade impregnada em suas almas no convívio com tanta boçalidade, tanta baixeza de ideias e sentimentos!







Jornalista Émerson Ghislandi

sábado, 27 de agosto de 2016

sábado, 30 de abril de 2016

A INTRÍNSECA MALDADE

Infelizmente é inevitável constatar, com base na ação violenta e predatória ao longo da história, que o planeta em que vivemos jamais pertencerá aos homens de bem! (Émerson Ghislandi)


quarta-feira, 16 de março de 2016

SOU UM TÉCNICO DENTRO DA TÉCNICA

Escrever é a arte de eliminar palavras. Ou seja: concisão, frases curtas, retirar do texto as gorduras, deixá-lo enxuto e elegante sem prejuízo do conteúdo. A síntese que diz tudo. Aí está o segredo do texto agradável de ler. (Émerson Ghislandi)


sábado, 13 de fevereiro de 2016

SUBLIME LÁGRIMA

O choro é o sentimento que melhor exprime a nossa humanidade! (Émerson Ghislandi)


quinta-feira, 11 de fevereiro de 2016

A VIDA NÃO ESPERA

Procure viver a vida por inteiro, jamais pela metade! Aventurar-se, correr mundo, atravessar vales e montanhas, sentir o vento afagar o rosto, admirar o admirável, perder-se pelos caminhos, viver e sentir a vida em toda a sua plenitude e beleza! Não é justo ficar na janela apenas assistindo ao espetáculo. Ser coadjuvante não basta, seja protagonista! (Émerson Ghislandi)


quinta-feira, 21 de janeiro de 2016

PALAVRA É ARMA

Devemos temer sobretudo as palavras! Elas podem enaltecer, explicar, comover ou alentar. Mas também carregam energia destrutiva capaz de provocar danos irreparáveis! (Émerson Ghislandi)


sábado, 16 de janeiro de 2016

O MUNDO É GRANDE

Busque trilhar novos caminhos se não queres chegar sempre aos mesmos lugares! (Émerson Ghislandi)


segunda-feira, 11 de janeiro de 2016

DAS PALAVRAS EMERGE A VIDA

A mais sublime utopia que todo escritor deve perseguir é dar vida às palavras! (Émerson Ghislandi)